29 de fevereiro de 2012

Após 100 mil mudanças, Microsoft lança Windows 8; veja como baixar

A Microsoft lançou hoje a versão de testes do Windows 8, seu próximo sistema operacional, que rodará tanto em computadores quanto em tablets.

O Windows 8 representa uma mudança radical de estratégia para a empresa, que tenta recuperar o terreno que perdeu na última década para Apple e Google.

A mudança inclui o fim do famoso botão "iniciar", uma das grandes marcas do Windows.

O desenho de "quadradinhos", os chamados "azulejos", aproxima a navegação dos computadores, com o mouse, e a dos tablets, com os dedos. Mas algumas diferenças permanecem, claro. No tablet, por exemplo, é possível desbloquear o aparelho com uma sequência determinada de toques sobre uma foto, em vez de digitar uma senha.

Emilio Morenatti/Associated Press

Julie Larson-Green, vice-presidente de gestão do Windows, fala sobre o Windows 8 em Barcelona

Julie Larson-Green, vice-presidente de gestão do Windows, fala sobre o Windows 8 em Barcelona

A versão para testes dos consumidores, mostrada hoje, teve mais de 100 mil mudanças em relação ao modelo mostrado a desenvolvedores em setembro do ano passado na Califórnia. E já está disponível para download, em um site especial da Microsoft .

O novo produto vem acompanhado de um mergulho da Microsoft no mundo dos aplicativos --palavra repetida à exaustão durante o lançamento, estrategicamente feito em evento paralelo ao Mobile World Congress, o maior congresso de telecomunicações do mundo, em Barcelona.

A empresa lançou sua própria app store, que emula muito do que consagrou a Apple. Tem avaliação dos aplicativos por um sistema de estrelas e traz uma descrição de cada um. E a Microsoft controla a oferta dos programas nessa sua loja.

"O app é um passo adiante do sistema operacional", disse Steven Sinofsky, presidente da divisão de Windows da Microsoft.

"A loja de aplicativos é uma nova oportunidade para desenvolvedores. O modelo de negócios é favorável como nenhum outro."

O PRODUTO

O Windows 8 terá duas versões principais: uma que funciona com os chips tradicionais da linhagem x86, fabricados pela Intel para computadores pessoais e laptops, e uma nova versão para microprocessadores ARM, que se tornaram o padrão para tablets, smartphones e outros aparelhos portáteis.

A Microsoft afirmou que planeja levar ao mercado, ao mesmo tempo, máquinas acionadas pelas versões ARM e Intel, mas ainda não definiu uma data.

Divulgação

Tela do Windows 8; nova versão do sistema troca ícones estáticos por mosaicos móveis

Tela do Windows 8; nova versão do sistema troca ícones estáticos por mosaicos móveis

Em ambas versões, o Windows 8 apresenta uma interface completamente nova, emprestada do que a Microsoft define como estilo "Metro" de seu mais recente software Windows Phone. Isso envolve os "azulejos" que podem ser movimentadas na tela ou pressionadas para acionar aplicativos diretamente.

Esses blocos se atualizam em tempo real e, com isso, o usuário poderá verificar de imediato seus e-mails, mensagens de voz e notificações do Facebook. Se os usuários de PCs e laptops não apreciarem o novo formato, podem voltar ao estilo antigo com um simples comando de mouse.

Com Reuters

0 comentários: